22.05.1876

6h 5’ da manhã. Levamos muito tempo a carregar em Helena onde vi de bordo o bonito edifício dos tribunais. Tem a high-school.

O rio apresentou-se muito cheio de tarde. Vi um escaler a vela e barquinhos como ontem; os pássaros tem aparecido mui raras vezes. Antes de ontem em Commerce algumas crianças pescaram peixes grandes que parecia cat-fishes.

À tardinha de ontem viu-se o grande vapor City-of-Vicksburg, que estava atracado a Carson’s Landing perto e acima de Concórdia. Aí o rio é muito largo. À noite parou-se por causa de um vapor que passou pela proa do nosso.

De manhã e de noite cantaram creio que hinos religiosos, era domingo.

Às 10 da noite recolhi-me e já há muito que o vapor recebia fardos de algodão de Tersene a 679 m. de St. Louis. Era curioso o espetáculo por causa dos fogaréus fincados junto à rampa que iluminavam a cena. A noite estava muito bela, relampejava apenas pela proa.

Junto a Tersene deságua o White-River um dos grandes confluentes do Mississipi, pela margem. Perto deságua outro ainda mais considerável o Arkansas. Dizem comandante e piloto Burnham que a 12 m. da embocadura do White-River há uma comunicação entre este e o Arkansas.

Pelo que pode andar o navio — embora já andasse 13 milhas — e a distância a percorrer só depois de amanhã 24 pela tarde ou noite.

7h 11’. Deixemos Greenville onde não houve carga a tomar. Pequena povoação. Antes passamos por Columbia que segundo uma lista dos lugares que parece dever ser importante, porém nada notei na marcha do vapor. Uma dista da outra 6 m. Greenville está a 751 m. de St. Louis.

Num livro sobre a cidade de St. Louis vejo que a ponte de que falei tem 2.046 pés de comprido, incluindo os aproches. 6.220 e com o túnel por baixo da cidade 11.100. Três lances tem a ponte formados de arcos de cromo-aço. O do centro de 520 e cada um dos outros de 502.

10h 26’. Estive lendo a tradução da Ilíada por Bryant.

Entretanto tocamos numa muito pequena povoação para receber sacos de sementes de algodão de que extraem óleo, e vi passar o grande vapor Scudder da carreira entre N. Orleáns e Memphis. Subia o rio.

A manhã está mais agradável que a de ontem.

Esperava achar mais povoados às margens do Mississipi. É verdade que algumas casas, ontem, estavam no meio da água, e disseram-me que tinham feito como um parapeito de terra — vi ontem parte dele na margem esquerda e arrombada em todo o comprimento do rio para resguardar as terras de inundações, e a deste foi muito grande, portanto é natural que os habitantes se achem além do parapeito. Não tenho notado casas grandes que me pareçam escolas. É verdade que até as fazem só de tábuas, bem como igrejas, de quem um specimen 008 de cada coisa indo de Cave-City para Mammoth Cave.

Os confluentes do Mississipi, segundo o que tenho colhido parecem mais facilmente navegáveis que os do Amazonas.

O céu tem-se parecido como o do Brasil em seu aspecto geral e nas formas das nuvens. Referiram-me que para o lado de Memphis o gelo chega a impedir a navegação, como aconteceu ao Gran-Duque Alexis, em sua viagem.

2h ½. Margens mais povoadas e chatas. Agora na margem direita há um extenso campo salpicado de casas e vezes bem como o rio rompeu o dique em diversos pontos.

Tenho estado mais tempo na proa onde também há mais fresco. Há aí uma chapa com amostras e esta inscrição. Homogeneous Steel plate in boilers of Steamen. Grand-Republic: 70.000 lb Tensile Strenght — Bent Cole Burgesse Steel Iron Works — Portsmouth — Ohio. Boilers made by Joe F. Wangler — St. Louis.

Antes das 2 passou subindo o vapor Lucy Keern. É grande, mas velho.

Pouco antes de 6h chegamos a Vicksburg grande cidade subindo um morro. Bela posição. Vi de longe o City-Hall que faz vista e o hospital de Marinha que não é pequeno. Antes observei bem a língua de terra da margem direita oposta à da cidade e a direção do canal com que a cortou, ou pretendeu cortar, disse O’Kelly depois de ouvir o outro piloto, não o Burnham, para reunir a parte inferior à superior do rio. Passamos ou antes 2 vapores passaram-nos um subindo — Natchez que fez a viagem de N. Orleáns a St. Louis com 3 ½ dias e outro o Pargout, descendo que já vai longe de nós. Contei com o nosso e outro que chegava 14 vapores em Vicksburg. Não carregamos aí.

São 6 ½. Em Vicksburg houve também invasão de bárbaros. Um querendo falar espanhol e dizendo-me que sabia o francês que também falou e o inglês e o italiano disse-me ter estado há 40 anos no Brasil de que se lembrava muito e não querendo responder à minha pergunta a respeito do nome dele, lá se foi cambaleando um pouco. Antes de chegar o 2º piloto mostrou-me a embocadura Agure-River na margem esquerda.

22 05 1876 1a pagina de apontamentos do dia