banner imprensa

II Mostra EMI de Audiovisual

II Mostra EMI de Audiovisual

Nos dias 1, 2 e 3 de dezembro, o Colégio Estadual Dom Pedro II em parceria com o Museu Imperial estará promovendo a II Mostra de Audiovisual do EMI-Petrópolis. Serão três dias com oficinas, debates, mesas-redondas, exibição de filmes e apresentação dos vídeos produzidos pelos alunos. O evento integra as atividades de formação do Curso de Ensino Médio Integrado de Formação Profissional em Comunicação Social - EMI que a escola oferece e pretende mobilizar a cidade de Petrópolis e arredores, com participação ativa de jovens e educadores e a presença de convidados/profissionais de reconhecimento no mundo do cinema e do audiovisual.


Sobre o curso

O curso é resultado de uma nova política do Ministério da Educação voltada para a busca de alternativas pedagógicas aos modelos de formação profissional em nível médio, com duração de três anos, em horário integral, e atende a cerca de 180 alunos. Nele os alunos têm aulas das disciplinas regulares do ensino médio e disciplinas do núcleo de formação profissional que convergem conteúdos, habilidades e atitudes profissionais para o desenvolvimento de produtos, a partir de projetos de trabalho em rádio e vídeo. Esses produtos são divulgados em festivais e nas mídias locais.

Em quatro anos de existência, o EMI do C.E.D.P.II vem se destacando em atividades dentro e fora dos muros escolares, como a participação nas três últimas edições da Sessão Vídeo Fórum do Festival de Cinema do Rio BR Petrobras e sessões com debate do projeto Cinema para Todos, da Seeduc, entre outros eventos que visam aprimorar suas vivências profissionais.

Sobre a mostra

A mostra é uma iniciativa que visa dar visibilidade a produtos e experiências desenvolvidas no curso, aproximar os alunos dos profissionais do campo audiovisual e mobilizar a comunidade para as oportunidades que a educação através da comunicação oferece.

Este ano, além da parceria com o Museu Imperial, a mostra conta com o apoio da UCP, Cine 360º e Padaria e Lanchonete Ágape.

O evento é aberto ao público e todas as atividades têm entrada gratuita.


Sobre a programação
OFICINAS para jovens, educadores e público em geral

Dia 1/12 – das 9h30 às 17h30 – Local: Colégio Estadual Dom Pedro II
Animação, Fotografia, Produção em Audiovisual, Leitura Crítica do Audiovisual, Adaptação livre em vídeo, Câmera em Videojornalismo , Videoclipe, Maquiagem para teatro e TV, O Cinema Iraniano, entre outras.

Inscrições gratuitas no local.

OFICINAS para educadores

Dia 1/12 - das 9h30 às 17h30 – Local: Colégio Estadual Dom Pedro II
"Leitura Crítica do Audiovisual" com Adriana Hoffman – doutora em Educação pela PUC, professora e pesquisadora da UNIRIO, atua em projetos, mostras e oficinas sobre cinema e educação, coordena o Cine CCH.

“Leitura de texto e leitura de imagem: a integração de linguagens na leitura do mundo” com Pedro Garcia - doutor em Antropologia pelo Museu Nacional/UFRJ, professor e pesquisador da UCP, com projetos no campo da formação do leitor - Pedagogia do olhar: cinema, fotografia, vídeo.


Dia 3/12 – das 10
h às 12h – Local: Museu Imperial

“Filosofia e Cinema” com André Pares – filósofo e jornalista, crítico de cinema e artes visuais, desenvolve projetos em diferentes linguagens no campo da comunicação em Porto Alegre, jornalista da revista de arte Panorama Crítico.

Exibição do curta “Quilombo da Tapera” seguida de debate com as realizadoras Eliana Castilho e Alexandra Viaid.

Inscrições gratuitas no local.


MESAS de debate

Dia 2/12 – Local: Museu Imperial

10h30 – “JORNALISMO E MERCADO AUDIOVISUAL EM PETRÓPOLIS”

Marcio Salermo - jornalista, editor do Jornal de Petrópolis e da "Agenda Cultural" do Diário de Petrópolis, artista plástico e escritor.

Sandro Sodré – pedagogo, produtor em projetos de audiovisual.

13h – “POLÍTICAS PÚBLICAS DE EDUCOMUNICAÇÃO E FOMENTO À PRODUÇÃO AUDIOVISUAL JUVENIL”

Felícia Krumholz - Curadora da "Mostra Geração", o segmento infantojuvenil do Festival do Rio, maior festival de cinema da América Latina, e diretora da Escola de Audiovisual CinemaNosso, uma escola popular de cinema, localizada no centro do Rio, na Lapa, e cujo público-alvo são os alunos dos cursos de ensino médio.

André Pares – filósofo e jornalista, crítico de cinema e artes visuais, desenvolve projetos em diferentes linguagens no campo da comunicação em Porto Alegre, jornalista da revista de arte Panorama Crítico.


15
h - “A PRODUÇÃO DO EMI EM DEBATE”

Gabriel Bortolini é o diretor do premiado curta "Sete Vidas". Já trabalhou com diretores como Cacá Diegues, Breno Silveira, Flávio Tambelini, Jonathan Nossiter, Lance Accord e outros. Atualmente, como produtor executivo da Gávea Filmes, esteve envolvido em projetos como o longa "Faroeste Caboclo" de René Sampaio e o espetáculo "Seewatchlook" de Michel Melamed (Nova Iorque).

Aurélio de la Peña - produtor executivo de making of e conteúdos de divulgação dos filmes da Total. Já trabalhou em filmes, como "Se eu fosse você" (1 e 2), "Sexo Amor e Traição", "Mais uma Vez Amor", "Assalto ao Banco Central", entre outros.

Claudio Partes - artista plástico, fotógrafo, curador de exposições nas artes visuais, integrante do movimento Arte Garagem e presidente da Sociedade Petropolitana de Fotografia/SOPEF.

Bárbara Cleffs - roteirista, produtora, entre outras habilidades no campo do audiovisual, fez Cinema e Audiovisual na UFF, sócia da BPartes Studio de Ideias, realiza projetos em animação, tendo conquistado o primeiro lugar do I Festival Curta Filmes 2011/BR, com o "Melhor Filme" para o curta "A Lenda da Água" da Allen Motion.

Sylvio Costa Filho - ator, diretor, professor e escritor. Membro da Academia Brasileira de Poesia e fundador do grupo teatral petropolitano "Pessoal Aí".


ATIVIDADES CULTURAIS

Dia 2/12 – 18h – Local: Centro Cultural

Cineclube Cine 360º - retrospectiva EMI

Dia 3/12- 14h – Local: Museu Imperial
Exibição do filme premiado “Elvis e Madona” seguida de debate com Igor Cotrim (protagonista) e equipe.

Igor Cotrim - formado pela Escola de Arte Dramática da USP, atuou no seriado juvenil "Sandy e Junior" e na novela "Mulheres Apaixonadas", da Rede Globo e em projetos da Record e Bandeirantes. É protagonista no filme premiado "Elvis e Madona" ao lado de Simone Spoladore. Tem uma banda "Beep-Polares" que realiza performances com poesia e rock’n roll.


Maiores informações/contatos:

Cintia Diel
Coordenação EMI
Tel: (24) 92727741
Email: cintia.diel@gmail.com

Maria Regina Bortolini
Coordenação Mostra
Tel: (24) 99187636
Email: reginabortolini@yahoo.com.br

Coordenação de Produção
Elaine Maywormel
Tel: (24) 88183393
Email: maywormel@gmail.com

Colégio Estadual Dom Pedro II
Rua do Imperador, 400 - Centro Petrópolis - RJ
(0xx)24 2291-1706
www.cdompedroii.com.br

Museu Imperial
Rua da Imperatriz, 220 - Centro Petrópolis – RJ
www.museuimperial.gov.br

Isabela Verleun
Setor de Promoção do Museu Imperial
Tel : (24) 2245 8962
Email: promoção@museuimperial.gov.br



 

Biblioteca infantil do Museu Imperial tem programação especial para o mês do Natal


Biblioteca infantil do Museu Imperial tem programação especial para o mês do Natal

 

Em dezembro, a biblioteca infantil do Museu Imperial, Biblioteca Rocambole, oferecerá uma série de atividades educativas relacionadas ao Natal. Ao longo do mês, serão realizadas leituras de histórias e oficinas criativas voltadas para grupos escolares.

 

No dia 2, às 14h, haverá contação de história com o livro O segredo de Natal de Pedrinho que relata a história de um menino que aguarda ansiosamente a chegada do Papai Noel. Em seguida, as crianças poderão ter contato com os livros da biblioteca.

 

A “Hora do Conto” com leitura da obra Uma Carta Especial para Papai Noel, de Gail Yerrill, acontece no dia 7, às 15h.  Ilustrado e repleto de efeitos para as crianças, o livro conta como Papai Noel recebe as divertidas cartas de alguns bichinhos. Após a leitura, haverá oficina criativa com a educadora Alaíde Guedes.

 

Em 9 de dezembro, os pequenos poderão conhecer a obra Olivia ajuda no Natal, de Ian Falconer. Nesse episódio natalino, que começa depois de um dia exaustivo de compras típicas da época, não faltam oportunidades para Olivia ajudar os pais como, por exemplo, cuidando de seu irmão caçula e arrumando a árvore. A atividade ocorrerá às 14h e será seguida de leitura espontânea na biblioteca.

 

No dia 14, a contação de história será com o livro O Natal do Carteiro, de Janet e Allan Ahlberg. A obra narra a história de um carteiro que visita alguns personagens de contos de fadas tradicionais para lhes entregar a correspondência natalina. A atividade começa às 15h, seguida de oficina criativa de Natal com Alaíde Guedes.

 

Todas as atividades são destinadas a grupos escolares previamente agendados. As instituições interessadas em participar podem realizar o agendamento junto ao setor de Educação do Museu Imperial, através do telefone (24) 2245-7735.

 

A Biblioteca Rocambole funciona de quarta a sexta-feira, das 9h às 12h (leitura espontânea, consultas e empréstimos) e das 14h às 17h (atividades escolares agendadas). Seu acervo é composto por cerca de 350 obras, entre as quais livros, revistas, gibis, dicionários, atlas e DVDs.

 

A programação mensal de atividades da Biblioteca Rocambole e outras informações relativas ao seu funcionamento e acervo podem ser acessadas no Blog da Biblioteca: http://bibliotecarocambole.blogspot.com.

 

Diretor do Museu Imperial toma posse no Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro


Diretor do Museu Imperial toma posse no Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro

 maurcio_5

O diretor do Museu Imperial, Maurício Vicente Ferreira Jr., tomará posse no Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro (IHGB) no próximo dia 30 de novembro. A solenidade ocorrerá na sede do IHGB, no Rio de Janeiro, às 17h.

 

"É uma honra ter sido eleito sócio do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro - instituição fundada em 1838 para preservar e divulgar valores identitários nacionais. E, como o legado de seu patrono, o imperador d. Pedro II, tem conduzido as atividades do IHGB nos últimos 167 anos, posso afirmar que o Museu Imperial, unidade museológica do Instituto Brasileiro de Museus e onde tenho atuado profissionalmente durante os últimos 28 anos, é uma instituição herdeira da tradição iniciada no contexto da criação do Estado nacional brasileiro", afirmou o diretor do Museu.

 

Durante a cerimônia, Maurício Ferreira será recebido pela sócia titular Maria de Lourdes Viana Lyra e apresentará uma palestra intitulada “Conhecendo o Brasil: o IHGB na formação do jovem imperador d. Pedro II”.

 

O IHGB nasceu em 1838, a partir da aspiração de uma entidade que refletisse a nação brasileira que, não muito antes, conquistara a sua Independência. Seu patrono foi d. Pedro II, a quem foi dado o título de Protetor. O imperador incentivou e financiou pesquisas, fez doações valiosas, cedeu uma sala no Paço Imperial para sede do Instituto e presidiu mais de 500 sessões.

 

Nesses 167 anos de existência, o IHGB tem-se caracterizado por múltiplas atividades, pela reunião de um significativo acervo, posto à disposição do público, e pela realização de conferências, exposições, cursos, congressos e afins.

 

Novo bistrô do Museu Imperial é inaugurado


Novo bistrô do Museu Imperial é inaugurado

 duettos_caf_museu_imperial

Já está em funcionamento o novo bistrô do Museu Imperial, o Duetto’s Café. A empresa petropolitana, que já possuía uma loja na Galeria Gelli, no Centro de Petrópolis, venceu a licitação para ocupar o espaço nos jardins do Museu.

 

No estabelecimento, o visitante poderá encontrar produtos de alta qualidade, como cafés, chás, doces, sanduíches, sucos, cervejas especiais de Petrópolis, geleias, doces em compota e vinhos, entre outros. O espaço também está preparado para atender grupos, confraternizações e reuniões. Além disso, os clientes poderão desfrutar da internet sem fio, disponível em toda área externa do Museu.

 

Até o dia 27 de novembro, o Duetto’s Café participa do XI Petrópolis Gourmet - Sapore D'Italia, oferecendo o prato Zuppa di Cipolle – creme de cebola com chips de bacon e lascas de grana padano, servido na caçarola de pão italiano. Como entrada, é possível saborear o suflê de abóbora ao molho de gorgonzola e amêndoas acompanhado de folhas verdes e azeite de ervas e, de sobremesa, um gateau de chocolate e nozes com sorvete de creme e fonduta de chocolate.

 

O Duetto’s Café do Museu Imperial funciona terças e quartas, das 9h às 18h; quintas, sextas e sábados, das 9h às 22h; e domingos, das 9h às 18h.