banner imprensa

Crianças da Cidade de Deus visitam Museu Imperial

 

Crianças da Cidade de Deus visitam Museu Imperial

 

Nesta terça-feira, 6 de setembro, 40 crianças da Cidade de Deus conheceram um pouco da história do Brasil em Petrópolis. O grupo do Ciep João Baptista dos Santos realizou uma visita guiada pelo Museu Imperial em uma iniciativa da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da comunidade.

 

Segundo a Secretaria de Estado de Segurança do Rio de Janeiro, o critério utilizado para escolher os alunos que participaram da atividade foi o desempenho escolar, uma forma de premiar os estudantes mais dedicados aos estudos e incentivar os demais a melhorarem suas notas. Além dos alunos, policiais e professores da comunidade também participaram da visita.

 

Instituições que desejem agendar visitas monitoradas ou outras atividades pedagógicas para grupos escolares podem entrar em contato com o setor de Educação através do telefone (24) 2245-7735. As atividades são gratuitas.

 

Domingo é dia de concerto gratuito no Museu Imperial

 
Domingo é dia de concerto gratuito no Museu Imperial

 

No próximo domingo, 11 de setembro, às 16h, amantes da música erudita terão a oportunidade de conferir um concerto gratuito no Museu Imperial. A apresentação é a quinta da temporada 2011 do Conjunto Anima e Cuore da Universidade Católica de Petrópolis (UCP), com participação do Coro de Câmara da UCP, sob a regência do maestro Antônio Gastão.

 

A entrada para assistir à apresentação é livre, mas, como o número de lugares é limitado, o Museu recomenda a retirada antecipada de ingressos. Os convites estão disponíveis na bilheteria do Museu Imperial até o horário do evento.

 

O conjunto Anima e Cuore da UCP foi fundado em novembro de 1986 e já realizou centenas de apresentações. Formado por alunos e ex-alunos bolsistas da universidade, possui um repertório extenso e variado, incluindo desde peças de compositores anônimos do período medieval até os grandes mestres do período barroco. Desde sua fundação, é dirigido pelo maestro Antônio Gastão.

 

Graduado em Composição pelo Conservatório Brasileiro de Música, o maestro Gastão teve sua formação musical aperfeiçoada sob a orientação de diversos professores: estudou Composição com Geraldo Vespar e Guilherme Bauer, Regência com Gilberto Bittencourt e Carlos Alberto Figueiredo, Técnica Vocal com Eládio Pérez-González e Harmonia da Música Popular com Jan Guest.

 

Veja abaixo o programa do concerto:

 

MOZART, W. A.

  • Aria “Deh vieni non tardar”, de “Le nozze di Figaro”

Soprano: Tatiana Nogueira

  • Terzettino “Soave sia il vento”, de “Così fan tutte”

Sopranos: Tatiana Nogueira e Gisele Cruz

Baixo: Johann Aumann

 

FAURÉ, Gabriel

  • Elegie, para cello e piano.

 

ANÔNIMO (século XVIII)

  • Minueto em Mi Maior para violão.

 

COUPERIN, François

  • Le Rossignol em Amour, para flauta e contínuo.

 

TELEMANN, Georg Philip - Sonata IV em Sol Menor, para duas flautas.

  1. Largo
  2. Allegro
  3. Affetuoso
  4. Vivace

 

FAURÉ, Gabriel

  • Sicilienne, para cello e piano

 

VILLA-LOBOS, Heitor

  • Schottisch-Choro da Suíte Popular Brasileira, para violão solo.

 

MOZART, W. A.

  • Duettino “Sull’Aria”, de “Le nozze di Figaro”

Sopranos: Tatiana Nogueira e Gisele Cruz

 

Biblioteca infantil do Museu Imperial oferece atividades em comemoração ao Dia da Árvore

 

Biblioteca infantil do Museu Imperial oferece atividades em comemoração ao Dia da Árvore

 

Em setembro, a biblioteca infantil Rocambole, do Museu Imperial, oferece diversas atividades voltadas para o público escolar. As oficinas e rodas de leitura serão inspiradas no Dia da Árvore (21 de setembro) e tratarão de temas ligados à natureza e ao meio ambiente.

 

Nos dias 14 e 28, às 15h, haverá “Hora do Conto” com o livro “Jardins”, de Roseana Murray. A obra remete, em poesia, para um mundo repleto de cores e aromas da natureza, estimulando os sentidos e nos transportando para uma relação mais profunda com a terra, as plantas, as árvores e os pássaros. A leitura será seguida de oficina criativa com a educadora Alaíde Guedes.

 

No dia 21 de setembro, Dia da Árvore, às 15h, será realizada contação de história e dramatização do conto “A árvore que não queria morrer”, do cancioneiro popular. A história resgata todo o potencial imaginário de um reino semântico onde a vida de uma árvore é contada na primeira pessoa. Após a representação do conto, haverá uma oficina com Alaíde Guedes, na qual o grupo irá construir a sua própria árvore, onde as mãos de cada criança serão, não somente as construtoras, como também as folhas dessa árvore.

 

Em 23 de setembro, às 13h30, acontece a “Oficina de brincadeiras em contato com a natureza”. Desde sempre, os espaços exteriores e os jardins se constituem como espaços de recreação por excelência, ampliando também os “corredores de liberdade” concedidos às crianças para suas brincadeiras, essenciais para um saudável desenvolvimento da sua relação com os demais e com o meio ambiente. Resgatando atividades lúdicas e tradicionais ao ar livre, a atividade convida um grupo de crianças a experimentar esse momento lúdico-pedagógico.

 

No dia 30, às 14h, será oferecida a atividade “A árvore, nossa amiga”. Após a leitura do poema “As árvores são amigas”, retirado do cancioneiro popular, haverá um jogo criativo de memorização do poema com recurso à construção do texto musicado. Em seguida, serão realizadas propostas de exploração do tema, a partir do diálogo e da reflexão coletiva sobre a temática da preservação do meio ambiente e da sustentabilidade.

 

Todas as atividades são gratuitas e devem ser agendadas previamente pelas escolas através do telefone (24) 2245-7735.

 

A Biblioteca Rocambole funciona de quarta a sexta-feira das 9h às 12h (leitura espontânea, consultas e empréstimos) e das 14h às 17h (atividades escolares agendadas). Seu acervo é composto de cerca de 350 obras, entre as quais livros, revistas, gibis, dicionários, atlas e DVDs.

 

A programação mensal de atividades da Biblioteca Rocambole e outras informações relativas ao seu funcionamento e acervo podem ser acessadas no Blog da Biblioteca: http://bibliotecarocambole.blogspot.com/.

 

Museu Imperial oferece programação especial no feriado

Museu Imperial oferece programação especial no feriado

Na data, haverá visitação gratuita para petropolitanos e edição extra do Som e Luz

 

Na próxima quarta-feira, 7 de setembro, feriado da Independência do Brasil, o Museu Imperial terá visitação gratuita para os petropolitanos e moradores da cidade. O benefício é parte do projeto O Museu é nosso, que oferece gratuidade a esse público todas as quartas-feiras e no último domingo do mês.

 

Outro estímulo para visitar o Museu na data será a edição especial do espetáculo Som e Luz, às 20h. A apresentação terá ingressos promocionais para petropolitanos e moradores da cidade. O ingresso custa R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia), mas o promocional poderá ser adquirido por R$ 5.

 

O espetáculo Som e Luz oferece ao público a oportunidade de reviver alguns dos mais importantes momentos do Segundo Reinado no Brasil. A superprodução utiliza efeitos especiais de iluminação e sonorização para transmitir a impressão de uma viagem no tempo, diretamente para o século XIX, na qual os visitantes conhecem um pouco mais sobre a história do país.

 

O espetáculo, que possui duração de 45 minutos, é oferecido de forma permanente às quintas, sextas e sábados, às 20h. Mais informações e agendamentos para grupos estão disponíveis através do telefone (24) 2245-4668 e do e-mail mimp.someluz@museus.gov.br.