banner imprensa

A BIBLIOTECA ROCAMBOLE OFERECE UMA PROGRAMAÇÃO RECHEADA PARA OS PEQUENOS NO MÊS DE AGOSTO

A programação do mês de agosto da Biblioteca Rocambole (Museu Imperial/Ibram/MinC) está recheada de bons contos e muitas comemorações, além de exploração do acervo e oficinas criativas que estimulam a leitura infantil, a Biblioteca irá comemorar a Semana do Folclore, e o Dia Nacional das Artes. Todas as atividades são gratuitas e destinadas a grupos escolares previamente agendados junto ao setor de Educação do Museu Imperial.

Para iniciar a programação, no dia 7 de agosto, das14h às 15h, a hora do conto será com o livro “Jabuti Sabido e Macaco Metido”, de Ana Maria Machado. Após a leitura, as crianças irão desfrutar de uma oficina criativa.

Os animais da floresta promovem um concurso para escolher o mais esperto daquele ambiente. O índio curumim é convidado para mediar a disputa que inclui desde a anta até a onça, que sempre se julgou superior aos demais. A grande final reserva uma surpresa com o duelo entre o discreto e notoriamente vagaroso jabuti e o macaco, famoso pela malandragem. Quem será que vai ganhar essa disputa?

Nos dias 8 e 9, das 14h às 15h, a contação de história será do livro “Menina bonita do laço de fita”, de Ana Maria Machado. Em seguida haverá exploração de livros, jogos e fantoches da Biblioteca Rocambole.

O livro conta a história de uma linda menina de fita no cabelo que desperta a admiração de um coelho branco, que deseja ter uma filha tão pretinha como ela. Mas antes precisa descobrir o segredo de como ter aquela cor.

O dia 14 terá a comemoração ao Dia Nacional das Artes. Por isso, o livro escolhido foi “Portinari”, de Nadine Trzmielina. Além da hora do conto, os pequenos irão se divertir na oficina criativa inspirada na obra do artista.

Neste livro, a vida e a obra do artista Candido Portinari serão contextualizadas a partir da exploração do livro e, após a contação, os pequenos pequenos irão se divertir na oficina criativa inspirada na obra do artista e poderão expressar toda sua criatividade na atividade.O reino partido ao meio

Nos dias 15 e 16, o livro escolhido para a hora do conto foi “O reino partido ao meio”, de Rosa Amanda Strausz. Após a leitura, haverá exploração de livros, jogos e fantoches da Biblioteca Rocambole.

Algumas coisas parecem que nunca vão mudar em nossas vidas, mas as vezes, quando menos esperamos, um acontecimento repentino tira tudo do lugar. É o que se passa com o pequeno príncipe desta história. Por culpa de um dragão raivoso, de uma hora para outra, seu reino e as coisas que existem nele são partidos ao meio. No começo o príncipe fica assustado, mas com o tempo ele acaba descobrindo novas formas e jeitos de viver.

Dia 21, começa a comemoração da Semana do Folclore, e em homenagem a esse dia, a contação de história será do livro “Saci – a origem”, de Ilan Brenman. Em seguida, será oferecida uma oficina criativa baseada na exploração da obra.

Todo mundo já ouviu falar do menino de gorro vermelho de uma perna só, mas como foi que o Saci Pererê surgiu? E como foi que ele perdeu a perna e aprendeu a fugir usando um redemoinho? Neste livro, Ilan Brenmam conta a origem dessa figura folclórica tão querida entre os brasileiros.

Nos dias 22 e 23, ainda em comemoração a Semana do Folclore, das 14h às 15h, o livro escolhido foi “Curupira e o equilíbrio da natureza”, de Samuel Murgel Branco, seguida da exploração de livros, jogos e fantoches da Biblioteca Rocambole.

Esta é uma história curiosa pela qual se pretende transmitir noções claras e simples sobre o papel dos seres vivos no equilíbrio da natureza. Para fazer com que esses ensinamentos sejam mais interessantes, o autor usou o personagem do folclore indígena, o Curupira, que é considerado o protetor da floresta e dos animais. Esta fábula nos deixa uma grande lição: é  possível conviver com a natureza, usufruir dos seus recursos, sem destruí-la. 

Dia 28, a Biblioteca Rocambole oferecerá após a hora do conto, uma oficina criativa para os pequenos. Às 14h, a história contada será do livro “Lolô”, de Grégoire Solotareff. A obra é sobre um coelho que nunca tinha visto um lobo, e um lobo que nunca tinha visto um coelho. Mas, um belo dia, os dois se conhecem, se tornaram melhores amigos e acabam dividindo o mesmo teto. Uma história sobre amizade e empatia, escrita e ilustrada de forma simples e original.O estranho caso do Sono Perdido

Para encerrar a programação, nos dias 29 e 30, às 14h, a hora do conto será com o livro “O estranho caso do Sono Perdido”, de Míriam Leitão, seguida da exploração de livros, jogos e fantoches da Biblioteca Rocambole.

A história é de uma menina muito esperta ajuda a avó, cuja vida profissional é agitadíssima, a procurar o seu sono, que anda sumido há tempos. A menina convida a avó para embarcar numa viagem pelo mundo dos sonos, que deve ficar em algum lugar dentro da imaginação. Mas assim como a capacidade de dormir, a avó perdeu sua imaginação faz tempo! Resta a ela dar as mãos à neta e se deixar levar. O que será que vai acontecer?

Todos os eventos da programação devem ser agendados previamente através do nº 24-22330345 (Setor de Educação), de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 18h.

A programação mensal de atividades da Biblioteca Rocambole, bem como outras informações relativas ao seu funcionamento e acervo, podem ser acessadas no Blog da Biblioteca: http://bibliotecarocambole.blogspot.com.

SERVIÇOS 
Museu Imperial/Ibram/MinC

Endereço: Rua da Imperatriz, 220 – Centro – Petrópolis, RJ 
Telefones: (24) 2233-0300 / (24) 2233-0360 
E-mail: mimp.faleconosco@museus.gov.br  
Site: www.museuimperial.gov.br  
Twitter: @museuimperial  
Facebook: www.facebook.com/museuimperial  

Visitação: de terça a domingo, das 10h30 às 18h 
Jardins: de terça a domingo, das 7h às 17h30  

Preços: 
Adultos: R$ 10,00 
Estudantes, professores e maiores de 60 anos: R$ 5,00 
Menores de 7 anos e maiores de 80: gratuito 
Moradores de Petrópolis e petropolitanos, às quartas-feiras e no último domingo do mês: gratuito