banner biblioteca1

 
Contato:

(24) 2233-0332/0312
mimp.biblioteca@museus.gov.br

bg_biblioteca

Atendimento ao público:

Pesquisa presencial: de segunda a sexta-feira, das 13h30 às 17h30
Atendimento por e-mail: mimp.biblioteca@museus.gov.br
Atendimento por correspondência postal: Rua da Imperatriz, 220, Centro, Petrópolis - RJ - CEP: 25610-320

Catálogo Online

A Biblioteca do Museu Imperial é especializada em História, principalmente a do Brasil no período imperial. Possui também biografias, história de Petrópolis e artes em geral; seu acervo é constituído por meio de permuta, doação e compra. Hoje a Biblioteca conta com, aproximadamente, 50 mil títulos, com 8 mil obras raras, organizados em seis grandes coleções.

Coleção de Obras Raras: Como o próprio nome indica, está constituída, na maioria, por obras publicadas no século XIX, muitos exemplares dos séculos XVII e XVIII  e até mesmo um livro publicado em 1567. Além de livros, também fazem parte da coleção jornais, revistas, almanaques, partituras, ex-libris, relatórios das províncias e dos ministérios, coleção de Leis do Império etc., num total de, aproximadamente, 8 mil volumes.

Entre eles, merecem destaque obras que pertenceram à família imperial, com encadernações de luxo, belíssimas iluminuras, diversas obras dedicadas a d. Pedro I e d. Pedro II e outras ainda anotadas, ilustradas com o brasão de armas da família imperial.

Compõem também a coleção outros livros que fizeram parte da biblioteca de diversos titulares do Império, como podemos constatar através das dedicatórias, dos autógrafos e até mesmo pelas encadernações com monogramas.

Enriquecem sobremaneira esta coleção os livros dos viajantes estrangeiros, que no Brasil estiveram, durante os séculos XVIII e XIX, retratando o país. Entre eles, podemos citar J. B. Debret, J. M. Rugendas, Sisson, Saint-Hilaire, John Mawe, Victor Frond, Ferdinand Denis, Maria Grahm, Henry Koster, Robert Ave-Lalemant, Louis Agassiz, Charles Darwin, príncipe Neuwied, Spix e Martius.

De tal grandeza também são os inúmeros periódicos e almanaques que muito ilustram o século XIX. Entre os mais expressivos estão: O Almanak Administrativo, Mercantil e Industrial Laemmert, cobrindo praticamente todo o segundo reinado e início da república; o Almanach de GOTHA e a coleção da Revista Ilustrada, editada pelo cartunista Ângelo Agostini.

CORREIO IMPERIAL, CORREIO MIRIM e CORREIO ASSU (1888) editados pelos príncipes, filhos da princesa Isabel - d. Pedro, príncipe do Grão Pará; d. Antônio e d. Luís.

Ainda com referência à bibliografia petropolitana, vale ressaltar os guias de viagens a Petrópolis, famosos pelas descrições detalhadas feitas pelos autores Henri Revert Klumb (1872), Jose Nicolau Tinoco de Almeida (1885), Tomás Cameron (1885), Carlos Augusto Taunay (1862), entre outros.

De grande raridade são as partituras que compõem a coleção, como as de Marcos Portugal, um álbum com autógrafos musicais dedicados a dom Pedro I e à princesa Isabel, isso para citar apenas uma.

Os ex-libris também enriquecem o nosso acervo, como o da coleção d. Thereza Christina Maria e dos colecionadores Frei Pedro Sinzig, Clado Ribeiro Lessa, Paulo José Pires Brandão, Paulo Geyer, Félix Pacheco, Davi Carneiro, Adolfo Morales de los Rios Filho, Alceu de Campos Pupo, Alcindo de Azevedo Sodré, Francisco Marques dos Santos, Américo Jacobina Lacombe, Ângelo Tomaz do Amaral, Apolônia Pinto, Ascanio Mesquita Pimentel, Gustavo Barroso, Heitor Lyra, José Wasth Rodrigues, Jeny Dreyfus, José Heitgen, José Pires dos Santos, Mário de Andrade, Salvador Moya e Vasco Smith Vasconcelos.

Coleção de Periódicos: Na Coleção de Periódicos, podemos encontrar uma grande variedade de títulos de revistas e jornais dos diversos institutos históricos, museus, universidades, bibliotecas, academias, arquivos históricos etc. Merecem destaque as coleções do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro (IHGB), da Biblioteca Nacional, do Arquivo Nacional, da Universidade de Campinas (UNICAMP) e da Universidade de São Paulo (USP). E com relação aos periódicos editados em Petrópolis, citamos a coleção da Revista de Cultura Vozes e o Anuário do Museu Imperial, perfazendo um total de 6 mil volumes.

Coleção Cláudio de Souza: Cláudio de Souza foi membro da Academia Brasileira de Letras e escritor com extensa obra literária, tanto no teatro como no romance e na novela. Entre suas obras podemos citar: Eu arranjo tudo e Flores de sombras. Em 1956, Luísa Leite de Sousa, viúva do teatrólogo, doou ao Museu Imperial sua biblioteca particular com 660 obras. A coleção é composta, na maioria, por peças de teatro brasileiro, com dedicatórias dos autores ao titular.

Coleção Lourenço Luiz Lacombe: Lourenço Luiz Lacombe foi diretor do Museu Imperial por muitos anos e membro do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro, autor de vários livros, entre os quais Isabel: a Redentora. Em 1999, sua esposa Jurene Alonso Lacombe doou ao Museu Imperial sua biblioteca particular com aproximadamente 2.600 obras entre dicionários, livros, revistas, periódicos e recortes de jornais de grande valor para o estudo da história imperial, como também uma valiosa bibliografia petropolitana. Deixou sua marca pessoal em cada livro, através de comentários, anotações e até mesmo correções, que comprovam o grande conhecedor e amante de nossa cultura que era.

Coleção Pedro Karp Vasquez: Pedro Karp Vasquez é fotógrafo, escritor e autor de vários livros sobre fotografia brasileira oitocentista, entre os quais: Dom Pedro e a fotografia no Brasil, Mestres da fotografia no Brasil, Coleção Gilberto Ferrez, Fotógrafos alemães no Brasil do século XIX e Revert Henri Klumb, um alemão na corte Imperial Brasileira. Entre outras atividades, destaca-se sua participação na criação do Instituto Nacional de Fotografia e do Departamento de Fotografia, Vídeos e Novas Tecnologias do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro. Em 2002, doou à Biblioteca do Museu Imperial sua biblioteca particular, composta, basicamente, de livros sobre fotografia com, aproximadamente, mil volumes entre livros e periódicos.

Coleção Geyer: Doada ao Museu Imperial em abril de 1999 pelo casal Maria Cecília e Paulo Fontainha Geyer, reúne cerca de 2600 livros primordialmente sobre viagens ao Brasil, produzidos por artistas estrangeiros, cientistas, exploradores e viajantes de toda sorte que aqui estiveram nos séculos XVI, XVII, XVIII e, sobretudo, no XIX.

Coleção Acessível: Destinada a atender o público com necessidades especiais, é composta por mais de 300 itens entre livros em Braille e audiolivros e visa atender, sobretudo, as necessidades do público com deficiência visual.

Acervo Geral: Compõe-se de 25 mil livros de história, biografias de titulares do Império, artes, antropologia, arquivologia, biblioteconomia, museologia, heráldica, genealogia, viajantes estrangeiros, história regional, em especial a história de Petrópolis.

Obras de Referência: Obras de consulta rápida, tais como dicionários, enciclopédias, glossários etc. Dedicamos preocupação especial a esta coleção, procurando mantê-la sempre atualizada através de novas aquisições. Conta hoje com cerca de 2.700 volumes.

A Biblioteca está toda informatizada com a utilização do software Informa. Com relação aos periódicos, oferecemos uma recuperação por autor, artigo e assunto. Toda a coleção está sendo indexada de forma a recuperar, dentro de cada exemplar, o artigo pertinente ao assunto solicitado.

Pela excelência e raridade de seu acervo, a Biblioteca do Museu Imperial é uma importante fonte de pesquisa e informação para aqueles que se dedicam ao estudo da História e das Artes.

Contamos também com um serviço de “intercâmbio entre bibliotecas”, o que nos permite permutar obras com outras instituições, enriquecendo assim o nosso acervo e prestando colaboração técnica mútua.

 


REFERÊNCIA DAS ILUSTRAÇÕES

(1) CARTARI, Vicenzo. Le Imagini de i dei gli antichi. Raccolte da M. Vincentio Cartari.... In Venetia: Apresso Giordano Ziletti, 1567.

 

(2) CAMÕES, Luís de. Os Lusíadas. Ed. critica - commemorativa do Terceiro Centenario da morte do grande poeta.Leipzig: Typ. Giesecke & Duvrient, 1880.

 

(3) LIBRE de Première Communion. S.n.t.

 

Missal com iluminuras à mäo, oferecido ao duque de Chartres pela condessa Paul de Ségur. Encadernaçäo bordada com fios de prata dourada e com guarniçöes e fechos de ouro. Calha dorée sur tranche.

 

LIVRE D'Heures complet en latin et en français: A L'usage de Paris et des diocèses qui suivent le rit prarisien: Contenant L'Office de tous les Dimanches et Fêtes de l'année avec des Explications hi. Paris: J. Hetzel, Librairie Paulin, 1838.

 

Coleção Biblioteca Duque de Chartres doado à princesa de Joinville. Encadernaçäo de luxo com fecho de prata.

 

IMITATION de Jésus-Christ. Traduction du R.P. de Gonnelieu... avec une pratique et une prière a la fin de chaque chapitre. Nouvelle éd. augmentée des. Towrs: Ad. Mame, 1853.

 

Exemplar da coleção Bibliothèque du Duc de Chartres contendo dedicatória em francês, provavelmente do príncipe de Joinville. Capa de couro, na cor verde-musgo, forrada com chamalote, trazendo, no centro, em metal branco, as iniciais do príncipe de Joinville. Fechos trabalhados em metal branco. Calha dorée sur tranche.

 

PAROISSIEN: elzevir; Rite Romain. Paris : G. Ehgelmann, 1870.

 

Exemplar da coleção Bibliothèque du Duc de Chartres, que pertenceu à princesa Isabel. Fechos em esmalte com as Armas acostadas de Orléans e Bragança, encimadas pela coroa imperial. Calha dorée sur tranche.

 

(4) FROND, Victor; RIBEYROLLES, Charles. Brazil Pittoresco: Álbum de vistas, panoramas, paisagens, monumentos, costumes etc., com os retratos de Sua Majestade Imperador Don Pedro II et da Familia Imperial. Paris: Lemercier, 1861.

 

(5) FONSECA, Adolfo Artur Ribeiro da. These apresentada à Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro em 30 de Setembro de 1876 e perante ella sustentada em 21 de Dezembro do mesmo anno Sendo. Rio de Janeiro : Typ. de G. Leuzinger & Filhos, 1876.

 

(6) A ILLUSTRAÇÃO; revista universal impressa em Paris. Paris; Lisboa: D. Corazzi; Rio de Janeiro : Gazeta de Notícias. 1884.

 

ESPELHO; político e moral. Londres: Off. Portugueza, 1813-4.

 

DON QUIXOTE. Rio de Janeiro : A. Agostini. 1895-6.

 

O BESOURO. Rio de Janeiro : Typ. De G. Leuzinger & Filhos. 1878.

 

REVISTA ILLUSTRADA. Rio de Janeiro : A. Agostini. 1876

 

(7) HORAS VAGAS; periódico ilustrado de recreio e instrucção. Petrópolis: P. Mueller, 1875-1876.

 

NACHRICHTEN; organ für brasilianisch-deutsche interessen. Petrópolis: Hess. 1900-1.

 

(8) CORREIO MIRIM. Petrópolis: Typ. Mirim. 1888.

 

CORREIO ASSU. Petrópolis: Typ. Assu. 1888.

 

CORREIO IMPERIAL. Petrópolis: Typ. Imperial. 1888.

 

(9) [Taunay, Carlos Augusto, 1791-1867]. Viagem pittoresca a Petropolis, para servir de roteiro aos viajantes e recordaçäo deste ameno torrão brasileiro por *** / Carlos Augusto [Taunay. -- Rio de Janeiro : Laemmert, 1862.

 

Tinoco, José Carlos Cardoso de Melo. Petrópolis : guia de viagem / José Carlos Cardoso de Melo Tinoco. -- Rio de Janeiro : Typ. L. Winter, 1885.

 

Os Estabelecimentos úteis de Petrópolis. Petrópolis: Typ. de B. P. Sodré, 1879.

 

Klumb, Revert Henry. Doze horas em diligencia: guia do viajante de Petropolis a Juiz de Fóra / Revert Henry Klumb. -- Rio de Janeiro : Pereira Braga, 1872.

 

(10) [PORTUGAL, Marcos. [Caderno de partituras musicais de Marcos Portugal]. [S.n.t.]

 

Caderno de partituras musicais, manuscrito, de autoria de Marcos Portugal para uso da infanta d. Maria Izabel [p.17], oferecido a S.A.R., o príncipe d. Pedro d'Alcantara [p.1] pelo autor. Encadernado, em bom estado. Adquirido no leilão de S.A. (?) em 10 de março de 1877, por Fernando Luiz de Souza Coutinho. Exemplar provavelmente pertencente ao espólio do conde de Redondo, d. José Luiz Gonzaga Coutinho de Castelobranco e Menezes, atualmente localizado na Biblioteca Nacional de Lisboa. Cópia em CD-rom das partituras e execução de algumas peças em piano por Rosana Lanzelotte.

 

(11) Ex-libris: Frei Pedro Sinzig O.F.M.

 

Ex-libris: Mário de Andrade

 

Ex-libris: Teresa Cristrina

 

(12) SOUZA, Cláudio de. Terra do Fogo : (impressões de viagem á região do pólo Sul). Rio de Janeiro : PEN Clube, s.d. (Autoria de Cláudio de Souza).

 

PRAZERES, Otto. Petrópolis, a encantadora. Rio de Janeiro : O Norte, 1922. (Coleção Cláudio de Souza).

 

(13) Lacombe, Lourenço Luiz, 1914-1994. Os chefes do executivo fluminense. Petrópolis: Museu Imperial, 1973. (Coleçäo Alcindo Sodré - Série Monografias, 1)

 

Lacombe, Lourenço Luiz, 1914-1994. Isabel: a Princesa Redentora: biografia baseada em documentação inédita. Petrópolis: Instituto Histórico de Petrópolis, 1989.

 

Lacombe, Lourenço Luiz, 1914-1994. Museu Imperial. Rio de Janeiro : Colorama Editora Artes Gráficas Ltda, 1987.

 

(14) Vasquez, Pedro Karp, 1954- Fotógrafos alemães no Brasil do século XIX; Deutsche fotografen des 19. Jahrhunderts in Brasilien. Säo Paulo: Metalivros, 2000.

 

Vasquez, Pedro Karp, 1954- Dom Pedro II e a fotografia no Brasil. [Rio de Janeiro]: Fundação Roberto Marinho : Internacional de Seguros, [1985].